Escola Técnica Bom Pastor monitorou situações de estudantes no período das chuvas

Dados foram coletados por meio de formulários online enviados para grupos de WhatsApp

A realidade dos estudantes do Ensino Médio da Escola Técnica Bom Pastor, durante o período das fortes chuvas que assolaram o Rio Grande do Sul, foi alvo de uma ação de monitoramento e acolhimento da Escola Técnica Bom Pastor. A Direção e a Equipe Pedagógica da Instituição de Ensino coletaram e analisaram dados, referentes às situações dos estudantes, por meio de formulários online, intitulados “Questionários para Acolhimento dos Estudantes - Catástrofe Climática”, enviados para grupos de WhatsApp de todas as turmas. Com base nas respostas enviadas por 77% dos estudantes matriculados, foi possível levantar as seguintes informações: duas estudantes foram afetadas diretamente pelas enchentes, uma com sua casa zona de risco de deslizamento e outra com a residência atingida por desmoronamento, além de 26 alunos que relataram não ter condições de chegar à escola, por conta de bloqueios nas vias de acesso. É importante ressaltar que os dados foram coletados do dia 6 a 10 de maio e que alguns alunos não conseguiram responder ao questionário por falta de luz ou internet. Além do envio dos questionários, a Coordenação Pedagógica do Bompa informou que realizou 78 contatos diretos com estudantes nesse período, com o objetivo de tomar conhecimento sobre a situação deles.

OUTRAS NOTÍCIAS